Curiosidades

Tosse – Sintomas de que ela não está normal (e você deve ver um médico)

A tosse é um reflexo natural do corpo, e não necessariamente um problema de saúde extremamente grave. A reação do aparelho respiratório acontece para eliminar micro-organismos que estejam afetando o nariz, garganta ou pulmões, ou seja, as vias respiratórias.

Apesar disso, a tosse pode representar uma diversidade de coisas. Primeiramente, ela nem sempre é igual, sofrendo variações que dependem da causa. Além disso, ela nem sempre chega sozinha. Fazer uma análise da tosse em questão é importante para entender o quadro.

Finalmente, o Segredos do Mundo reuniu as principais características da tosse e o que cada tipo pode representar, Veja agora.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

A tosse seca é incomoda e, além disso, ela não faz barulho de secreção. Acima de tudo, ela pode ocorrer como sintoma de outras doenças. Por exemplo alterações cardiovasculares, reumatológicas ou gastroenterológicas, tumores benignos e malignos ou então um efeito colateral de medicamentos

Além disso, resfriado ou gripe podem manifestar tosse seca. Apesar disso, quando seca, ela representa normalmente rinite alérgica, faringite aguda irritativa, viral, bacteriana ou fúngica, amigdalite viral ou bacteriana, laringite irritativa, viral ou bacteriana, traqueítes ou laringotraqueítes virais ou bacterianas, crise de asma/bronquite aguda, pneumonia viral ou bacteriana.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

Primeiramente, a tosse produtiva é aquela que expele catarro produzido. O catarro é produzido por glândulas que ficam abaixo da mucosa, uma camada que reveste internamente as vias aéreas. Ele é composto por água (90 a 95%), glicoproteínas, sais e restos celulares. Sua função é proteger as vias aéreas do ataque de vírus, bactéria se outros micro-organismos.

Consequentemente, a cor, consistência e até mesmo o odor do muco podem nos dizer se há algo de errado, uma vez que para eliminar os organismos invasores ele poderá ficar mais concentrado, com sangue ou mesmo mal cheiroso.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

Gastrite e refluxo gastroesofágico podem ocasionar uma tosse com gosto amargo na boca. Alguns sintomas associados à tosse levantam suspeita para um problema gastroenterológico.

Eles são azia, irritação constante na garganta, sensação de que tem algo parado na garganta, ardor na garganta ou na boca e queimação na língua e tosse com amargor.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

Primeiramente, fumar leva a uma tosse crônica, persistente e bastante incomodativa. A secreção associada é crônica também. A secreção liberada por causa do tabagista costuma ser amarronzada.

Parar de fumar aumenta as chances desse tipo de tosse diminuir com o tempo. Ainda assim, existem uma parcela de chances disso durar para sempre.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

A presença do sangue pode indicar uma infecção viral, fúngica ou bacteriana. Além disso, outras causas podem incluir ruptura de vasos do sistema respiratório, tumores e tuberculose, entre outros.

Segundo o especialista, toda a tosse com sangue deve ser investigada, principalmente se associada à rouquidão persistente.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

Primeiramente, tosse aguda é aquela que dura até 3 semanas. Em contraste, a crônica dura mais de 8 semanas e deve ser investigada independente dos sintomas relacionados.

Ou seja, se persistente por mais de 10 dias já é justificativa para uma consulta médica.

Tosse - quais sinais indicam que ela não está normal

Por fim, a situação tende a piorar à noite, principalmente durante o sono. Isso acontece por que o nosso sistema de proteção contra as inflamações e infecções fica mais debilitado durante a noite.

O hormônio anti-inflamatório e antialérgico, o corticoide natural, é liberado uma vez por dia, somente de manhã. Então, à noite, esse hormônio já foi consumido. Além disso, essa situação é especialmente comum em crianças que apresentam alergia.

Também é necessário salientar que a posição deitada prejudica a drenagem das secreções das vias respiratórias, o que favorece seu acúmulo e estimula você a tossir. Consequentemente, investir em travesseiros mais altos durante as crises podem ser uma alternativa para reduzir o problema.

Você gostou dessa matéria? Então você também via gostar dessa: Veja como fica o pulmão de um fumante depois de 20 cigarros

Fonte: Minha Vida

Imagens: Viver de Produtos Ekonomista VIX GreenMe Drauzio Tua Saúde UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar